Aniversario de Morte de Cazuza

By | 17:52:00

Hoje é. Aniversario de Morte de Agenor Miranda Araujo Neto. O Cazuza
Cazuza dinamitou os anos 1980. Com letras que carregavam (e carregam ainda) uma verve poética repleta de deboche, ironia, lirismo e coragem, o cantor e compositor, que faria 60 anos hoje, colocou (ao lado de outros nomes, como Renato Russo) o rock brasileiro do período em outro patamar.
A irreverência e a força exibidas em palco eram outras marcas de Cazuza. E a performance era natural, garantiu em entrevista ao Correio (concedida ao repórter Irlam Rocha Lima) em 1985. “Nunca estudei canto, dança, nada. 
Aliás, você pode ver por minha voz rouca. Eu sou rouco, eu birito, não tenho nenhum cuidado com a voz, não faço nenhum exercício, meu exercício é o palco”, disse.

“Pego um pouquinho ali do Caetano, um pouquinho do Ney, um pouquinho do Mick Jagger, os ídolos da gente. Intuitivamente, a gente copia um pouco de cada um e aí surge o estilo próprio.” 
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

#Itarantim Bahia

#Itarantim Bahia